Páginas

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Dica de amiga: Alergia a esmaltes

Olá minhas lindas!

Há algum tempo eu já venho falando sobre esse assunto com vocês e já tinha prometido vir falar melhor sobre alergia a esmaltes e os famosos 3 free, que atualmente são a minha opção na hora de comprar esmaltes.  Não por ser alérgica a esmaltes, pois graças a Deus eu não sou.  É somente por uma questão de boas escolhas, de cuidar da minha saúde.


Alergia a esmaltes existe sim, e não se manifesta somente nas unhas. Ela pode aparecer em todas as fases da vida, repentinamente, sem aviso prévio, especialmente na adulta.


Dentre os sintomas mais comuns de alergia ao esmalte destacam-se inchaço e coceira nas pálpebras, descamação nos dedos e nas palmas das mãos e em alguns casos, pode até aparecer irritações no rostos e pescoço, já que é comum o contato da mão com essa região. Na maioria das vezes, quando esses sintomas aparecem, as pessoas costumam confundi-los com outros tipos de alergia, algum tipo de irritação ou até outro problema de pele, quando, na verdade, o problema é o esmalte.  Para ter certeza da alergia é necessário procurar um dermatologista e fazer um teste de contato.







(Fotos retiradas da internet)

E não são somente os esmaltes coloridos que causam reações: bases incolores e coberturas também contêm tolueno e formaldeídos, e podem provocar quadros alérgicos.
Você notou que tem algum dos sintomas acima? Aposte em esmaltes hipoalergênicos ou que sejam livres das substâncias formaldeído, dibutilftalato 
e tolueno, o famoso 3 free, nomenclatura - que aparece nas marcas populares -  que são os ingredientes presente em esmaltes e que, segundo os médicos, têm altíssimo potencial alergênico.


  • O formaldeído, é responsável pela fixação e durabilidade da cor.
  • O tolueno, dissolve o esmalte.
  • O Dibutilflalato, aumenta o brilho.

E meninas, pasmem! O formaldeído (que nada mais é do que o formol) pode causar irritação nos olhos, incluindo reação alérgica nas pálpebras - local mais comum de reação a esmaltes - e problemas respiratórios, além de ser cancerígeno!  Já os efeitos mais comuns da exposição ao DBP são irritações nos olhos, pele e sistema respiratório. O tolueno - alternativa muito comum na produção dos esmaltes por causa do baixo custo - penetra rapidamente pela via respiratória, causando irritação. O custo de substituição destes itens pode acarretar em um pequeno aumento de preço nos vidrinhos que amamos. Para a parte da indústria que já carimba o 3Free nos seus esmaltes, este acréscimo representa muito pouco perto do que vale a preservação da saúde das mulheres.

Hoje em dia, já existem diversas marcas e cores no mercado. Infelizmente eles costumam ser bem mais caros que as versões comuns.



Pesquisei algumas marcas que são 3 free ou que possuem uma linha 3 free:

A Impala e a Revlon são duas marcas que têm linhas específicas só para quem tem alergia. Os esmaltes da Impala custam em torno de R$10 cada frasco, já os da Revlon custam em média R$20.





A Colorama é uma das poucas marcas nacionais que não usa mais tolueno e formaldeído em sua composição. Por isso, o preço é bem mais em conta que as outras marcas e as chances de você ter alergia são muito menores.  A média de preço dos esmaltes da Colorama é R$ 3,00. Um dos mais baratos! Então se joga amiga!




Todos os esmaltes da Colorama são 3 free, exceto o camada única.





Pra nossa alegria, todos os esmaltes da Ludorana são 3 free.



Todos são 3 free.



Todos são 3 free.














Espero que tenham gostado, e que possa ter ajudado de alguma forma.

Fiquem com Deus.

Beijos!



















2 comentários:

  1. Muito bom o post... não fazia ideia que o verniz de unhas dava alergia

    http://nerdchic13.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristina! Pois é, eu tb fiquei muito surpresa quando descobri isso, e resolvi mudar minhas escolhas. Bjs!!!

      Excluir

Deixe seu comentário! Ele é muito importante para mim. Fique com Deus. Bjosss!